CIA DA NOTÍCIA

45ª Semana Espírita de Itabuna

Semana Espírita Itabuna CapaA Justiça Divina Segundo o Espiritismo” é o tema central da 45ª Semana Espírita de Itabuna, que será realizada de 24 a 31 de maio de 2015, no Instituto de Cultura Espírita de Itabuna (ICEI), situado na rua Allan Kardec, 101 – Jardim Italamar (em frente ao colégio CIOMF).

A escolha do tema central, segundo os organizadores do evento, é uma homenagem à obra “O Céu e o Inferno”, um dos livros básicos da Codificação Espírita organizada por Allan Kardec e que esse ano está completando 150 anos de lançada.

Atendendo a inúmeros pedidos, a programação novamente será aberta com o show musical da soprano paulista Andrea Bien, no dia 23 de maio (sábado), às 20 horas.

Abrindo o ciclo de palestras, que se iniciarão sempre às 19h30min e precedidas por um momento artístico, teremos no próximo dia 24, domingo, o Diretor da Federação Espírita Brasileira e jornalista, Carlos Campetti, do Distrito Federal, com a palestra “A Justiça, O Amor e a Caridade Segundo Jesus”.

No dia seguinte, 25, segunda-feira, o professor itabunense, Ary Quadros Teixeira, falará sobre o tema: “O Código Penal da Vida Futura”. E na terça-feira, 26, o evento tem sequencia com a palestra “O Caminho da Felicidade”, que será proferida pelo professor, Lindomar Coutinho, dirigente do Centro Espírita Porto da Esperança, em Ilhéus.

Outro professor baiano, Cláudio Alves de Amorim, será o palestrante do dia 27, quarta-feira, com o tema “A Ordem Econômica e a Ordem Moral”. A programação segue no dia 28, quinta-feira, com o palestrante Jorge Elarrat Canto, de Rondônia, que abordará o tema “Senhor, O Que Queres Que Eu Faça”.

Imortalidade e Vida” é o tema da palestra que dá prosseguimento ao evento, dia 29, sexta-feira, com José Otávio Aguiar, da Paraíba. No sábado, 30, é a vez da professora paraibana, Denise Lino de Araújo, que falará sobre o tema “Parábolas de Jesus, Aprendizado Constante”. E finalizando, no dia 31 de maio, domingo, o mineiro, Wesley Caldeira, discorrerá sobre o tema principal: “Esperanças e Consolações – A justiça Divina Segundo o Espiritismo”.

Também não faltarão os tradicionais seminários. Na tarde do dia 29 de maio, teremos “Depressão e Ansiedade”, com Jorge Elarrat. Durante o dia 30 de maio, “Sofrimento à Luz do Espiritismo”, com Denise Lino; “Justiça Divina e Punição”, com José Otávio; e “O Movimento Espírita como pensou Kardec”, com Marcus Machado

A programação prevê ainda a realização de dois painéis, na manhã do dia 31 de maio, e também a 14ª Semaninha Espírita de Itabuna, para crianças de 5 a 12 anos e o 3º Encontro com a Juventude, para jovens a partir de 13 anos, na tarde do dia 30 de maio.

Principal evento do calendário de atividades espíritas da região, pela qualidade dos palestrantes e temas abordados, a Semana Espírita de Itabuna atrai, a cada ano, um público cada vez maior de Itabuna e cidades circunvizinhas, ávido por respostas a questionamentos do tipo: quem sou? o que fui? e para onde vou?

O ICEI que promove o evento com o apoio do Conselho Regional Espírita (Federação Espírita do Estado da Bahia-FEEB), informa que o acesso, como de costume, será franqueado ao público de maneira geral, com exceção do show musical do dia 23 de maio, sábado, que exigirá um investimento de R$ 10,00 para o participante e o arrecadado ajudará a custear as despesas com a programação.

Outras informações ligue para o ICEI pelo telefone (73) 3212-1829 ou acesse o site: www.icei.org.br

Bookmark and Share

Ruas e avenidas de Canavieiras estão mais floridas

A avenida São Francisco é uma das beneficiadas

A avenida São Francisco é uma das beneficiadas com o paisagismo

O plantio, replantio e poda de espécies vegetais nas ruas e avenidas de Canavieiras continua a ser executado pela equipe de paisagismo da Secretaria Municipal da Agricultura. O trabalho é realizado durante todo o ano, com a finalidade de manter os logradouros públicos agradáveis e embelezados.

Segundo o prefeito Almir Melo, esse é um trabalho constante que inclui a poda das plantas de maior porte (árvores) e das espécies arbustivas. Já o replantio é necessário, pois algumas plantas são retiradas por pessoas para plantio em casa, ou pela ação de vândalos, que simplesmente retiram e quebram as mudas.

Atualmente a equipe de paisagismo está realizando o plantio e replantio na avenida São Francisco, que possui um grande canteiro central. Entre as espécies que estão sendo introduzidas estão a bougainvillias, ixóreas, jasmins e palmeiras, além de manutenção em outras plantas rasteiras.

Enquanto uma equipe cuida da avenida São Francisco, outra equipe está executando a poda das árvores e arbustos de outras ruas e avenidas do centro da cidade. A finalidade é manter as árvores bem cuidadas, além da condução necessária do crescimento para que não interfira ou tenha contato com os fios condutores de eletricidade.

Desde o ano passado que o prefeito Almir Melo solicitou um estudo à Secretaria da Agricultura para mudar as plantas decadentes ou inapropriadas, por espécimes da flora nativa (Mata Atlântica), alternando árvores, arbustos e plantas de pequeno porte. “Nossa intenção é implantar uma vegetação que acrescente benefícios à qualidade de vida do homem e ao meio ambiente urbano, pois a população de Canavieiras mantém o costume de se reunir à porta das casas ou no canteiro central aproveitando a sombra proporcionada pela árvores”, explicou o prefeito.

De acordo com o prefeito, a intenção é tornar o local mais aprazível e com a perspectiva de possuir conforto térmico a partir do crescimento das árvores plantadas. Ele volta a lembrar, entretanto, que é preciso contar com o apoio da população no sentido de fazer com que o logradouro esteja sempre limpo e com as mudas conservadas. “Costumo dizer que sem a parceria da população, não conseguimos promover as mudanças que a cidade tanto precisa. Esperamos poder contar com o cuidado, principalmente dos moradores, com essa nova área revitalizada”, disse o prefeito.

Bookmark and Share

Loja Maçônica União e Caridade homenageia mães

Entrada solene das mães no Templo

Entrada solene das mães no Templo

A Loja Maçônica União e Caridade, de Canavieiras, realizou neste sábado (9), sessão Magna para homenagear as mães no dia internacional consagrado às mulheres. Durante a sessão Magna foi feita uma homenagem especial à mãe mais idosa foi Maria Carlota Pinto, viúva do maçom Antônio Couto Pinto.

Segundo o Venerável Mestre Arenilson Mota Nery, na simbologia maçônica a mãe é considerada muito especial, por ser um ser humano que doa tudo sem cobrar nada em troca. “A mãe é o esteio da família, por isso sempre pedimos ao Grande Arquiteto do Universo que a proteja sempre pelo dom de conceber e criar os filhos, dedicando-se integralmente a eles, bem como a toda a família”, ressaltou.

A viúva Maria Carlota foi uma das mães homenageada

A viúva Maria Carlota foi uma das mães homenageadas

Na homenagem prestada às mães, o Orador Euvaldo Cardoso Sena enfatizou a grandeza de ser mãe e que todas as palavras empregadas para defini-las são poucas para demonstrar a doação integral e o zelo com seus filhos. “Fazem isso sem medir esforços ou dificuldades, pagando com a própria vida, se necessário for”, lembrou.

Na sessão Magna as mães presentes foram agraciadas com uma rosa vermelha, entregue pelo filho ou esposo. Já a homenagem às mães falecidas foi prestada pelos filhos, quando, ao som da Ave Maria, num gesto simbólico, depositaram rosas brancas num vaso, num ato dos mais emocionantes vividos pelos presentes.

Em nome das mães, a esposa do maçom Ariedson Santos, Fernanda Feitosa, e sua filha fizeram um diálogo, com a finalidade de mostrar a importância da mãe frente a Deus e a humanidade. Após a sessão Magna, os maçons, suas famílias e convidados participaram de um coquetel, animado pela Banda Maria Bretheira.

Link com todas as fotos

 

 

Bookmark and Share

PEC da Bengala é promulgada pelo Congresso

Ministros dos tribunais superiores ficam até os 75 anos

Da Agência Senado

Um dia após ser aprovada pela Câmara dos Deputados, a proposta de emenda à Constituição (PEC 42/2003) que amplia de 70 para 75 anos a idade para aposentadoria compulsória de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), dos Tribunais Superiores e do Tribunal de Contas da União (TCU) foi promulgada nesta quinta-feira (7), pelo Congresso Nacional.

Ao presidir a sessão de promulgação da Emenda Constitucional 88, o presidente do Congresso, senador Renan Calheiros (PMDB-AL), parabenizou o presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), pelo empenho em aprovar a proposta e demonstrar que as duas Casas (Câmara e Senado) “devem estar afinadas e sensíveis às causas meritórias.”

— É uma emenda sintonizada com os novos tempos. Além de não desperdiçar cérebros, a proposta implica uma economia estimada de R$ 20 bilhões aos cofres públicos em cinco anos. Enquanto o Executivo castiga os trabalhadores em busca de R$ 18 bilhões, o Congresso dá sua contribuição ao ajuste, impropriamente denominado de fiscal, e apresenta uma economia de R$ 4 bilhões ao ano. Como se vê, a experiência não tem preço, mas sim economia — declarou Renan.

Nova sabatina

Após negar qualquer viés político na aprovação da matéria, afirmando que “leis são despersonalizadas e institucionais”, Renan observou que a extensão da permanência dos ministros do Judiciário e do TCU prestes a completar 70 anos por mais cinco anos é facultativa.

— Conforme a emenda, os que desejarem continuar na magistratura deverão ser novamente sabatinados pelo Senado Federal, que não abrirá mão da prerrogativa de fazê-lo — assegurou Renan, comentando ainda que projeto de lei (PLS 274/2015) do senador José Serra (PSDB-SP) já tratou de estender as mesmas condições de aposentadoria compulsória para o funcionalismo público federal, estadual e municipal.

Mudam os tempos, mudam as regras

Para Eduardo Cunha, a aprovação da PEC 42/2003 dá seguimento à sua orientação na Câmara de se votar matérias cujas posições — convergentes ou divergentes — precisam ser refletidas no voto. Assim, se uma proposição está pronta para ser votada, ela deve ser votada, acrescentou Cunha.

— Mudaram os tempos, é natural que mudem as regras. Hoje, a expectativa de vida é superior a 75 anos. Mas a atual Constituição mantinha uma regra da Constituição de 1946. Essa mudança contribui para a eficiência do serviço público. É um gesto para melhorar as contas públicas — resumiu o presidente da Câmara.

A

Bookmark and Share

Festival Boca de Brasa leva artistas da periferia para palco do TCA

Desde 1986 o projeto Boca de Brasa vem descobrindo e revelando novos talentos escondidos pelos bairros de Salvador. Após um hiato de 10 anos, o projeto voltou com força total em 2013 e, de lá para cá, mais de 500 artistas residentes em bairros periféricos da cidade puderam participar de oficinas organizadas pela Fundação Gregório de Matos. Para encerrar o ciclo e celebrar o sucesso do retorno do projeto, no dia 13 de maio, às 20h,  acontecerá o Festival Boca de Brasa, onde os destaques de 2013 e 2014 vão poder apresentar seus trabalhos no palco da Sala Principal do Teatro Castro Alves.

Cerca de 30 grupos artísticos de bairros como Uruguai, Plataforma, Lobato, Pernambués, Pau da Lima, Cajazeiras, Liberdade, Nordeste de Amaralina, Itapuã, Boca do Rio, Engenho Velho de Brotas, Ribeira, vão subir pela primeira vez no palco do TCA para apresentar números musicais, de dança, teatro e performances. O projeto Boca de Brasa é uma iniciativa da Prefeitura de Salvador, através da Fundação Gregório de Mattos (FGM), órgão vinculado a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, e visa a fomentar a cultura na periferia da cidade, com foco no resgate da cidadania, através do incentivo ao desenvolvimento das diversas manifestações artísticas nos bairros.

Para abrilhantar ainda mais a noite, a cantora Margareth Menezes fará uma participação especial com o cantor Saulo Fernandes. O Festival contará com a direção artística de Zeca de Abreu, direção musical de Luciano Bahia, coreografia Rita Brandi, roteiro de Caica Alves, e figurino assinado por João Perene.

Histórico 

Criado em 1986 pela FGM, quando era liderada por Roberto Dias, o projeto Boca de Brasa contava com uma estrutura composta por quatro carretas-palanques, projetadas pela arquiteta paranaense Consuelo Cornelsen, e uma equipe de profissionais de diferentes áreas artísticas que iam até os bairros periféricos. Interagindo com as lideranças, associações e grupos locais, a ação consistia em realizar diversas apresentações artístico-culturais em várias regiões da cidade. Em 2003, o projeto foi suspenso, após a realização de mais de 600 apresentações.

Coordenado por Bertrand Duarte e Walter Seixas Jr., na gestão do então prefeito Mário Kertész, o projeto Boca de Brasa foi inaugurado no dia 10 de outubro de 1986, em um evento realizado na Praça Municipal. O espetáculo reuniu as quatro carretas-palanques, em que foram realizados shows de Zelito Miranda, Lazzo, Lui Muritiba, Beto Marques, Tom Tavares, a banda Studio 5, Feo do Acordeon e o grupo Amigos do Nordeste.

Reconhecendo a importância da iniciativa e sua contribuição para o desenvolvimento do campo cultural de Salvador, a FGM relançou o projeto, no dia 25 de setembro de 2013, em cerimônia realizada na Praça Municipal, com a presença de autoridades municipais e artistas, tendo o cantor Saulo como padrinho da ação.

Com novo formato, o Boca de Brasa acontece em diversos bairros de Salvador, através da realização de oficinas culturais gratuitas em diferentes áreas artísticas e de formação de gestores. Em seguida, uma mostra pública aberta à comunidade reúne o resultado das aulas e apresentações de artistas locais.

No ano de relançamento, foram realizadas três edições nos bairros de Plataforma (outubro), Cajazeiras (novembro) e Boca do Rio (dezembro). Em 2014 o projeto foi ampliado, alcançando sete bairros de Salvador, que foram Nordeste de Amaralina (junho), Engenho Velho de Brotas (julho), Pernambués (julho/agosto), Uruguai (agosto), Itapuã (setembro), Pau da Lima (setembro) e Paripe (outubro).

Em 2015 o Boca de Brasa aumentou a carga horária das oficinas, que passaram de quatro para seis dias e vai chegar a mais dez bairros da cidade. Já foram realizadas as edições da Ribeira (22/1 a 5/2), Liberdade (2 a 15/3), Lobato (16 a 29/3) e Sussuarana (15 a 26/4).

Boca de Brasa em números + LEIA MAIS »

Bookmark and Share

6ª JORNADA ESPÍRITA

Jornada EspíritaO Centro Espírita Francisco Cândido Xavier, de Itabuna, promove nos dias 15 e 16 (sexta e sábado) de maio próximos, a 6ª Jornada Espírita, com o tema “O Ser e Seus Conflitos Existenciais”. De acordo com a programação, no dia 15, às 19h30min será realizado o Momento Musical; às 20 horas será realizada a palestra “Como prevenir-se e superá-la”, pelo professor Lindomar Coutinho, do Centro Espírita Porto da Esperança, em Ilhéus.

No dia 16 (sábado), às 19h30min, será realizado o Momento Musical e às 20 horas terá início a palestra “Ansiedade, Doença que Aflige a Humanidade”, pela professora Ileana Mattos, do Centro Espírita Porto da Esperança, em Ilhéus.

O Centro Espírita Francisco Cândido Xavier está localizado na rua 06, nº 173, bairro Jardim Primavera (próximo ao CAIC), Itabuna. Mais informações podem ser obtidas através dos telefones (73) 8837-6080, com Valter; 8177-9911, com Edvaldo Cedro; e 8828-2212, com Mário.

 

Bookmark and Share

Prefeitura recupera estradas vicinais

 

Estradas recebem serviço de patrolamento e encascalhamento

Estradas de Canavieiras recebem serviço de patrolamento e encascalhamento

O prefeito de Canavieiras, Almir Melo, solicitou à Secretaria Municipal de Obras e Transportes que acelere as obras de recuperação das estradas vicinais que ligam a sede aos distrito, povoados e zona rural. O objetivo é aproveitar o período de estiagem para realizar a manutenção das estradas.

De acordo com o secretário municipal de Obras e Transportes, Almir Melo Júnior, atualmente a patrulha mecânica da Prefeitura está executando as obras de melhoria nos 18 quilômetros do ramal da Fabiana. No local, uma patrol, caçambas e um retroescavadeira estão nivelando e encascalhando toda a estrada, para permitir o tráfego naquele trecho.

Outras estradas vicinais também já foram beneficiadas com a recuperação, a exemplo do trecho de 12 quilômetros que liga o distrito do Poxim ao Sarampo e do povoado de Oiticica ao Colégio Fé em Deus, com quatro quilômetros de extensão. “Nossa equipe está trabalhando com afinco, no sentido de manter o livre acesso às comunidades do interior”, ressalta o secretário Almir Júnior.

O ramal da Juerana, com oito quilômetros de extensão, já recebeu os serviços de patrolamento e agora será executado o encascalhamento nos trechos mais críticos. Outro ramal importante para o tráfego da produção agropecuária e o trânsito de pessoas é o de Barreiras, com 13 quilômetros de extensão também está entre os que serão beneficiados pelos serviços da patrulha mecânica.

Mais obras – Informa o secretário de Obras, Almir Melo Júnior, que os serviços prestados pela Prefeitura continuam em andamento no interior e na sede do município, com a finalidade de beneficiar um número ainda maior de pessoas. “As obras atendem ao planejamento realizado pela Secretaria para o ano de 2015, compreendendo os diversos setores da administração pública.

Almir Júnior lembrou que na semana passada foi realizada a licitação pública para a primeira etapa da pavimentação a paralelepípedos do bairro Cidade Nova. De acordo com o planejamento realizado, essa etapa contemplará todas as ruas transversais à avenida Assis Gonçalves, além de algumas ruas próximas ao Colégio Rotary.

De acordo com o planejamento realizado pela Secretaria de Obras e Transportes, a segunda etapa das obras de pavimentação está prevista para ser executada no próximo ano. “A população do bairro Cidade Nova estava esperando essa obra há alguns anos e agora será contemplada pelos serviços de melhoria que serão implantados naquele local”, diz o prefeito Almir Melo.

No mesmo bairro já foram realizadas diversas melhorias, a exemplo da reforma total da Unidade de Saúde da Família Dr. Edmundo Lopes de Castro, a praça Dermival Gusmão e a pavimentação de uma trecho da rua que dá acesso à Unidade de Saúde. Outra obra importante que está sendo construída e que vai beneficiar grande parte da população do bairro é a Creche São Boaventura, com capacidade para atender 80 crianças, trabalhando exclusivamente com a Educação Infantil, compreendo uma creche e os cursos Maternal, Pré-escola I e II. A estrutura conta com quatro salas de aula, cada uma delas equipada com banheiro, secretaria, área de recreação, cozinha, refeitório, dentre outros equipamentos. A creche atenderá as crianças dos bairros São Boaventura, Cidade Nova, João Fonfon, Ilha do Gado, São Sebastião, dentre outros bairros circunvizinhos.

Bookmark and Share

Jardim dos Anjos vai sortear prêmios

Sorteio Jardim dos Anjos - DivulgaçãoPara assegurar a manutenção dos serviços prestados à população canavieirense, a Associação Jardim dos Anjos, com apoio do comércio local, está promovendo o sorteio de três prêmios: uma Moto Honda CG Fan 125 CC, um televisor Panasonic LED 35” e uma geladeira Consul CRB 360 litros. Informa a diretora Regina Renzi, que a renda será revertida em benefícios para a Creche Jardim dos Anjos e dos projetos ligados à instituição: Reforço Escolar Júlia Thomson, Instituto Planet Panzini e Centro Cultural Julia Thomson.

Creche Escola Jardim dos Anjos – Há 10 anos foi inaugurada a Creche e escola de Educação Infantil Jardim dos Anjos, no bairro Sócrates Rezende, tendo como mantenedora a “Onlus Italiana Giardino Degli Angeli”. A Creche atende a 50 crianças de três a cinco anos de idade, no período integral das 7h30min às 16h30min, que se encontram em situação de vulnerabilidade social. Os projetos contemplados têm, também, como público-alvo os familiares e a comunidade dos bairros vizinhos, com uma proposta de atendimento individual, respeitando as diferenças e o potencial de cada criança, contemplando a ação da família e da comunidade.

Informa a diretora da instituição, Regina Renzi, que as ações são voltadas para facilitar o processo e organizar situação de aprendizagem, problematizando-as, para que a criança assimile e crie seu próprio contexto. “Nosso projeto pedagógico é baseado na Pedagogia da Escuta, do teórico italiano Loris Malaguzzi e se apoia em quatro pilares: Aprender a Ser, Aprender a Conviver, Aprender a Fazer e a Aprender. As ações são organizadas em três eixos: Atividades Permanentes; Projetos e Sequências de Atividades, destacando-se a integração das famílias e a participação do voluntariado”, explicou.

Bookmark and Share

Seminário Espírita em Canavieiras

Mediunidade, uma possibilidade de todos”, é o tema do seminário e palestra que serão realizados no sábado, dia 4 de abril, às 19h30 min, no Clube Social Maçônico, na rua Coronel Luiz Augusto de Carvalho.

O evento é uma realização da do Centro Espírita Caminho e Luz, com o apoio da Comunidade Espírita de Canavieiras e do Conselho Federativo Regional CR11 e a entrada é franca.

O palestrante do seminário é o médio Wagner Gomes da Paixão, de Minas Gerais. Segundo Romário Vasconcelos, o evento é de grande significado para os espíritas, bem como para as pessoas que tenham interesse em conhecer e se aprofundar na filosofia espírita.

Bookmark and Share

Canavieiras promove Festival Gastronômico

Peixe e Camarão -  Foto Walmir RosárioOs turistas têm uma motivação a mais para passar a Semana Santa em Canavieiras. É que os proprietários de restaurantes e pizzarias promovem, durante a Semana Santa, o Festival Gastronômico do Sítio Histórico. O evento será realizado na Sexta-Feira Santa e no Sábado da Aleluia, por diversos estabelecimentos daquela área.

Segundo um dos organizadores, Carlos Le Poivre, informa que a gastronomia é uma das muitas especialidades da hospitalidade canavieirense e nesse período o melhor da culinária local estará a disposição dos moradores e visitantes. E as opções são muitas, com pratos bastante variados, escolhidos por cada um dos restaurantes.

De acordo com Carlos Le Poivre, sete restaurantes participam do Festival Gastronômico. Cada um dos restaurantes destinou dois pratos especiais para o festival. Ao chegar ao Sítio Histórico, o cliente adquire um cupon por R$ 25,00, que lhe dará direito a escolher um dos pratos. “Porém, se o cliente quiser escolher os pratos constantes no cardápio, estará à vontade para fazê-lo”, disse Carlos.

O Festival Gastronômico do Sítio Histórico de Canavieiras funcionará a partir das 20 horas (na sexta e no sábado), com música ao vivo. Entretanto, os restaurantes estarão abertos também durante o almoço, apresentando o cardápio da casa. Durante o espaço do festival, também serão sorteados brindes entre os clientes.

Caranguejo de Canavieiras  - Foto Walmir RosárioFestival de Camarão – Na Praia da Costa, no bairro da Atalaia, os restaurantes e cabanas também estão se organizando para servir bem aos turistas que buscam Canavieiras no período da Páscoa. A cabana e restaurante Alegria de Viver já anuncia a promoção do 3º Festival de Camarão e um cardápio promocional.

Explica Carlos Lima, do restaurante Alegria de Viver, que no período de 3 a 5 de abril (de Sexta-Feira Santa a Domingo), além do Festival de Camarão, um cardápio especial foi elaborado para servir aos turistas e canavieirenses. “Estamos trabalhando com preços diferenciados, pois atendemos a clientes que sempre nos visitam nesta época do ano e que, com certeza, voltarão”, disse Carlos Lima.

No entender do prefeito de Canavieiras, Almir Melo, a procura cada vez mais intensa pela cidade no verão, a maior estação do turismo, e nos períodos de feriados, também é resultado de um intenso trabalho de melhoria dos serviços públicos. “O turista quer todas as comodidades oferecidas pela infraestrutura turística, porém quer a garantia de ter um bom serviço de saúde, atendimento perfeito, boas acomodações e preços justos”, revela.

Bookmark and Share

O dia em que Leur Lomanto não falou em seu comício

Leur Lomanto

Leur Lomanto não conseguiu falar ao povo de Almadina

Candidato a deputado federal, Leur Lomanto fazia campanha em diversas cidades do Sul da Bahia. Num só dia vários municípios eram visitados e em cada um deles era uma festança. Recebido pelas lideranças locais, era obrigatória a lembrança dos “causos” de seu pai, Antônio Lomanto Júnior, quando governador e senador. Daí era participar das conversas políticas, contagem dos possíveis votos a ser sufragados e a promessa dos compromissos assundos com as lideranças e seus “cabos eleitorais”.

Antes de se encaminharem para o local do comício, ainda davam uma passadinha na casa de uma e outra liderança, tomar um cafezinho (daqueles bem adoçados), um pedacinho de bolo e até mesmo uma cachacinha. Esse períplo era por demais necessário para tratrar a todos com igualdade, para não causar ciumeiras. Apesar da cronometragem feita pelos assessores, que a toda hora davam pressa no cumprimento do horário estabelecido, para o desagrado das lideranças locais, criticando os ditos assessores.

E não foi diferente numa dessas campanhas de Leur Lomanto ao chegar em Almadina, onde o palanque já estava armado e prometia discursos apimentados, pois nessa época ainda existia a ideologia política, alimentada, ainda mais pelo conflito de interesses entre eles. Umas cinco lideranças já tinham falado, quando o locutor-animador do comício anuncia a participação no comício de Oneur, vereador de Itajuípe, orador capaz de inflamar as multidões com discursos ferinos e em tom de chamar para a briga.

Quando o locutor-animador anunciou Oneur, o pessoal encarregado do foguetório entendeu Leur e foi um verdadeiro espetáculo de pirotecnia. Silêncio nos fogos, tome discurso inflamado de Oneur, para delírio da população, que não se cansava de alaudir: “Leur, Leur, Leur. Já ganhou, já ganhou, para desespero dos organizadores do comício e do próprio candidato. Em apoteose, Oneur foi retirado do palanque nos braços do povo, ou melhor, nos ombros, como manda a tradição das campanhas políticas.

Atônito, o candidato a deputado federal Leur Lomanto não entendia nada, a começar pelas diferenças físicas. Enquanto Oneur (já falecido) era gordinho e baixinho, Leur Lomanto é alto, muito forte (conforme a compleição física da família Lomanto). Embora o comício de Almadina não tivesse o resultado desejado, Leur obteve uma boa votação (em Almadina como em toda a Bahia), ganhando mais um mandato na Câmara Federal.

O poeta e jornalista itajuipense Cláudio da Luz é testemunha ocular do fato, que acompanhou o comício de corpo presente, a convite do vereador Oneur.

Bookmark and Share

PMDB prega a união das lideranças

João Santana e Almir Melo

João Santana e Almir Melo

O presidente do Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) baiano, João Santana, iniciou uma perigrinação pelos municípios do Sul da Bahia, com a finalidade de mobilizar as lideranças. Neste domingo (29), o partido promove uma reunião em Itabuna e pretende contar com a participação dos seus melhores quadros.

Em Canavieiras, João Santana (ex-ministro da Integração), acompanhado do presidente do Diretório de Itabuna, Pedro Arnaldo, se encontou com o prefeito Almir Melo, secretário estadual do partido. Embora permaneça firma na agremiação peemedebista, Almir Melo apoiou o então candidato petista e hoje governador da Bahia, Rui Costa, quando ainda pontua parcos quatro ponto percentuais.

Entre os motivos do apoio ao PT, uma diferença histórica separa Almir do candidato Paulo Souto. Resultado: Canavieiras recebeu obras e serviços dos governos federal e estadual e Rui Costa ganhou a eleição. Hoje, alguns projetos reivindicados por Almir, entre eles a pavimentação da BA-274, a rodovia Transouricana, que corta praticamente todo o município canavieirense.

Bookmark and Share
Páginas: 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 ... 330 331 332 Próximas
Canavieiras pretende ampliar setor turístico
 
O resgate da atividade turística é uma das metas estabelecidas pelo prefeito Almir Melo para ter o turismo como uma das principais atividades econômicas. Trabalho com essa finalidade está sendo desenvolvido pelo secretário Fernando Volpi e que já produz resultados positivos.
 
LEIA MAIS
 
Livros de graça para todo o mundo. Basta apoiar o projeto
O Prêmio Galinha Pulando começou em 2005, patrocinado pelo seu organizador Valdeck Almeida de Jesus. Até 2009 cada poeta selecionado recebia um livro de graça. A partir daí, ficou muito caro para Valdeck bancar tudo sozinho. Agora em 2014 veio a ideia de pedir ajuda aos autores e a quem puder colaborar comprando antecipado exemplares da antologia poética.
 
LEIA MAIS
Alto Beco do Fuxico festeja seus 30 anos
 
Saudosismo, amizade, cachaça da boa, cerveja bem gelada, mocofato preparado por Danilo, música de todos os gêneros e para atender todos os gostos. Esse foi o combustível que moveu membros da Confraria do Alto Beco do Fuxico, os acadêmicos da Academia de Letras, Artes, Música, Birita, Inutilidades, Quimeras, Utopia e Etc. (Alambique), além de outros frequentadores do Alto Beco do Fuxico.
 
LEIA MAIS