CIA DA NOTÍCIA

Posts Tagged ‘Ilhéus’

Junta Médica Especial na Ciretran de Itabuna

Os médicos da Coordenadoria de Saúde (CAS) do Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA) vai dar continuidade nos dias 07 e 08 de julho de 2012, ao atendimento de portadores de necessidades especiais do interior do Estado.

A Junta Médica Especial vai acontecer no Polo de Itabuna e tem como objetivo facilitar o atendimento da avaliação pericial de portadores de deficiência física, evitando assim seu deslocamento para a capital.

A Junta Médica do interior obedecerá aos mesmos critérios da  Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) e visa atender também os candidatos de Ilhéus, Teixeira de Freitas, Eunápolis, Itamaraju, Porto Seguro e Medeiros Neto.

No dia do atendimento é necessário estar em mãos com a carteira de identidade e relatórios atualizados dos médicos assistentes com a identificação da patologia (paraplegia, paraparesia, monoplegia, monoparesia, hemiplegia, triplegia, hemiparesia, amputação ou ausência de membros, nanismo, membros com deformidade congênita ou adquirida e outras patologias a critério do médico). É importante lembrar que no relatório deve conter informações detalhadas da patologia.

O Detran espera com essa iniciativa criar condições favoráveis para os portadores de necessidades especiais que tenham interesse em adquirir ou renovar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH); assim como facilitar o atendimento a esse público evitando assim, seu deslocamento para a capital.

Audiências públicas do Porto Sul em seis cidades reúnem 4.600 pessoas

Itacaré foi uma das cidades onde a audiência foi realizada

Barro Preto, no Sul da Bahia, encerrou a série de audiências públicas promovidas pelo Ibama e Governo da Bahia para a apresentação do relatório de impacto ambiental e do projeto do Porto Sul, empreendimento de R$ 3,4 bilhões, que terá um porto público e um terminal privativo operado pela Bahia Mineração. Além da audiência pública realizada em outubro de 2011 em Ilhéus, com a participação de 3.780 pessoas, durante a semana aconteceram audiências também em Uruçuca, Itacaré, Itabuna, Coaraci e Itajuípe.

Ao todo, as audiências públicas nas seis cidades tiveram a participação de 4.600  pessoas, que somando-se a Ilhéus chega-se a um total de 8.400  inscritos. “Esse nível de participação demonstra o envolvimento da comunidade e a transparência com que o Governo da Bahia está conduzindo todo o processo de implantação do Porto Sul, com o máximo respeito à questão ambiental e às pessoas inseridas na área do empreendimento”, afirma Eracy Lafuente, coordenador de infra-estrutura da Casa Civil do Governo da Bahia.

Lafuente destaca ainda que “após a obtenção da licença ambiental, o Governo da Bahia vai agilizar o início das obras, já que esse empreendimento é considerado prioritário dentro da política de criação de novos pólos de desenvolvimento que criará condições para que o Sul da Bahia viva um novo ciclo econômico”.

O presidente da Bamin – Bahia Mineração, José Francisco Viveiros, afirmou que o saldo das audiências públicas é positivo. “O processo de licenciamento passa por estas audiências, que servem para responder as dúvidas sobre o nosso projeto. Fico feliz em deixar a população devidamente esclarecida”, disse, para, em seguida, concluir: “Tenho certeza de que a licença sairá pelas inúmeras manifestações de apoio que recebemos nestas audiências públicas. E que os próximos passos para a obtenção deste processo sejam dados com velocidade maior para que a gente possa começar este investimento ainda este ano”.

O superintendente do Ibama na Bahia, Célio Costa Pinto, fez uma avaliação positiva das audiências. ”A participação popular foi extremamente positiva. Conseguimos chamar a atenção para a importância do licenciamentos ambiental e foram apresentadas sugestões que contribuirão com a nossa equipe técnica na elaboração do relatório final”.

A licença ambiental concedida pelo Ibama antecede a licença de funcionamento, que permitirá o inicio das obras do Porto Sul.

O PORTO SUL

O Porto Sul,  associado a Ferrovia Oeste Leste (Fiol) representa a oportunidade de dotar a Bahia com  uma grande estrutura logística. São projetos que integrarão a Bahia e o Brasil, criando um novo eixo de desenvolvimento sustentável, estimulando o turismo, negócios, empregos e ativos ambientais. Para o interior, e a chance de viabilizar novas políticas públicas para a região Sul do estado.

O complexo logístico Porto Sul-Ferrovia Oeste Leste faz com que a grande área do centro-oeste brasileiro (Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Goiás e Tocantins) diminua sua distância  para um porto de cerca de 300 quilômetros.

Com a operação através do Porto Sul, um porto que permite navios de calado de até 20 metros de profundidade,  que permite atracação de navios de  alta capacidade e desempenho de transporte, os custos de transporte para os produtores serão reduzidos significativamente. Isso ampliara a competitividade do produto baiano no exterior.

No oitavo ano de operação a previsão e de que o porto movimentara 66 milhões de toneladas/ano de soja, milho, algodão, minério, etanol e fertilizantes.

Audiência pública do Porto Sul em Uruçuca reúne 1.200 pessoas

Mais uma vez as informações foram prestadas

Uma série de audiências públicas foi iniciada na área de abrangência do empreendimento para a apresentação do Relatório de Impacto Ambiental do Porto Sul e o projeto da obra. A primeira audiência aconteceu na segunda-feira (28) e teve 1272 participantes que assinaram a lista de presença. Um dos participantes, Edvaldo Coelho, 68 anos, que mora em Ponta da Tulha, no município de Ilhéus, permaneceu atento durante todo o encontro realizado, na noite desta segunda-feira (28), em Uruçuca. Edvaldo disse que pretende comparecer às outras cinco audiências previstas para acontecerem até 2 de junho nas cidades de Itacaré, Itabuna, Itajuípe, Coaraci e Barro Preto.

Ao todo são sete audiências publicas nos municípios da área de abrangência do Porto Sul. A primeira aconteceu em Ilhéus, no mês de outubro de 2011, com a presença de 3.700 pessoas e foi considerada pelo Ibama uma das maiores já realizadas pelo órgão em todo o Brasil. “A ideia é valorizar o diálogo e a transparência com a sociedade”, afirmou o secretário extraordinário da Indústria Naval e Portuária, Carlos Costa. Ele explicou que o empreendimento integrará o sul da Bahia e o Brasil a um novo eixo de desenvolvimento sustentável, estimulando o turismo, gerando empregos e negócios para toda a região.

Para Priscila Nascimento, 26 anos, integrante do comitê de entidades sociais, as reuniões são importantes para a implantação do projeto. “Desde o ano passado, estamos nos reunindo com o Ibama e órgãos envolvidos na implantação do Porto Sul. Nós, jovens, queríamos saber como participar do projeto, que vai trazer mais empregos e outros para a população”.

Read the rest of this entry »

Amei promove mutirão no Nelson Costa

O aferimento de pressão foi um dos serviços oferecidos

No último sábado (26) a população do bairro Nelson Costa recebeu o Dia de Ação Social promovido pela Associação de Ministros Evangélicos de Ilhéus (Amei), em parceria com a Prefeitura de Ilhéus. Com atividades de cidadania e lazer que aconteceram das 7 às 12 horas, o evento animou e prestou diversos serviços à comunidade.

Pela primeira vez no bairro Nelson Costa, o Dia de Ação Social realizou aferição de pressão, sorteio de 10 cestas básicas, corte de cabelo, atendimento do programa Bolsa Família, cadastramento para confecção do Cartão do SUS e cartão de passe livre interestadual, exame de vista, além de brincadeiras como pula-pula para as crianças. Muitos voluntários também colaboraram com a realização do evento. Ronaldo Fé, um dos organizadores do evento, informou que há também uma comissão reunindo agasalhos para serem distribuídos na comunidade.

De acordo com o presidente da Associação, pastor Pedro Cerqueira, essas atividades vêm acontecendo há algum tempo e já foram realizadas em outros locais como Avenida Itabuna e Parque Infantil “Essa é uma forma de trazer esses serviços à comunidade, que por muitas vezes não tem condições de chegar às sedes desses programas”. Ainda de acordo com ele, esse dia de cidadania é uma forma de agregar serviços essenciais para este público. A associação trabalha em parceria com centros de recuperação e outros órgãos que tratam de assuntos assistenciais.

O trabalho evangelístico realizado por este grupo vem acontecendo há alguns anos na cidade e culmina com a celebração da Marcha para Jesus, que este ano acontecerá no dia 30 de Junho na avenida Soares Lopes. Ainda estão previstos vários eventos durante o ano, a exemplo da Cruzada da Fé que irá, em novembro, trazer palavras de evangelização e cantores gospel á comunidade da Avenida Itabuna.

Curso de Produção de Leite a Pasto

Começou nesta segunda-feira (28) e vai até sexta-feira (1º), o curso sobre produção de leite a pasto direcionado para técnicos da gerência Regional de Itabuna, da Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola (EBDA), vinculada a Secretaria da Agricultura, inseridos nos trabalhos de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater), da cadeia produtiva da bovinocultura leiteira. A parte teórica do treinamento acontece no auditório da Universidade Estadual de Santa Cruz, em Ilhéus, enquanto a prática, na Fazenda Iracema, no município de Buerarema.

O curso está sendo ministrado pelo zootecnista Darlan Paiva de Miranda e pelo engenheiro agrônomo Cândido Nunes de Vasconcelos, com a colaboração do médico veterinário Tales Franco Fontes e o técnico agropecuário Nelson Fernandes Moura. Cerca de 30 técnicos participam do treinamento, realizado com recursos do Pacto Federativo, um programa executado pela EBDA, em parceria com a Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado da Bahia (Fapesb) e o Ministério de Desenvolvimento Agrário (MDA).

De acordo com o chefe da Divisão de Gado Leiteiro (DGL) da EBDA, Darlan Paiva, o objetivo principal da ação é capacitar os técnicos para a difusão de procedimentos tecnológicos que se constituam em referência para o segmento da produção de leite. “É preciso apoiar e estimular o crescimento e a modernização dessa área e com isso estaremos contribuindo com o fortalecimento da bovinocultura leiteira dos agricultores familiares”, argumentou Paiva.

Oficinas para marisqueiras e pescadores

A Bahia Pesca, em parceria com o Serviço de Atendimento de Saúde Ocupacional da UFBa (Sesao) promove oficinas de atendimento em saúde ocupacional das marisqueiras e pescadoras. Uma oficina será realizada no sábado (26) às 9:00 horas em Ilhéus no Colégio Estadual, no Malhado. Na segunda-feira,(28) no mesmo horário, a oficina será em Itacaré, na Colônia de Pescadores Z-18.

A equipe médica é formada por clínicos e fisioterapeutas. Os clínicos vão  analisar a situação com relação a LER/Dort. Os fisioterapeutas vão avaliar a questão ortopédica e dar orientações sobre prevenção (exercícios), diagnóstico e tratamento. Após as oficinas, marisqueiras e pescadoras que precisarem realizar exames mais minuciosos serão encaminhadas ao ambulatório Edgar Santos (antigo Hospital das Clínicas), em, Salvador. O ambulatório da unidade foi totalmente equipado pela Bahia Pesca com este objetivo.

Encontro estadual de história prorroga inscrições de trabalhos até dia 31

Foram prorrogadas, até o próximo dia 31, as inscrições para apresentação de trabalhos do VI Encontro Estadual de História, que acontece entre os dias 13 e 16 de agosto, na Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), em Ilhéus. Esta edição do evento abordará o tema Povos Indígenas, Africanidades e Diversidade Cultural: produção do conhecimento e ensino.

Os interessados poderão submeter suas propostas de apresentação nos 34 simpósios temáticos do evento, por meio do sitewww.viencontroanpuhba.ufba.br, de acordo com as normas definidas pela comissão organizadora do encontro. A iniciativa é direcionada aos profissionais de histórias e áreas afins. A taxa de inscrição varia entre R$ 40,00 e R$ 140,00. Aqueles que desejam participar dos minicursos disponíveis para o público deverão efetuar inscrição específica, adicionando à taxa o valor de R$ 20,00.

A programação do evento conta ainda com conferências, simpósios, mesas-redondas, grupos de trabalhos e atividades culturais, com a participação de pesquisadores estrangeiros como Manuel Loff, da Universidade do Porto, em Portugal. A iniciativa tem como objetivo criar uma oportunidade de reunir historiadores para discutir os significados e repercussões da Lei 11.645/2008 na prática cotidiana.

Read the rest of this entry »

Comissão aprova Ufesba

A deputada Alice Portugal é a relatora do projeto

A Comissão de Educação e Cultura aprovou por unanimidade, nesta quarta-feira (16), a criação da Universidade Federal do Sul da Bahia (Ufesba) através do PL nº 2207/11, de autoria do Executivo. A medida fixa como sede da universidade o município de Itabuna, um dos polos regionais do sul baiano. A Ufesba terá o formato multicampi, com unidades também nas cidades de Porto Seguro e Teixeira de Freitas.

As microrregiões de Ilhéus/Itabuna, Teixeira de Freitas e Porto Seguro possuem uma população de quase quatro milhões de habitantes e abrangem um total de 75 municípios. Atualmente, as universidades públicas instaladas no Sul da Bahia oferecem  4 mil vagas nos 33 cursos de graduação da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc)  e mais 460 vagas nas unidades da Uneb e do IFBA no Extremo Sul.  O projeto acadêmico da Ufesba prevê a formação  de mão de obra nas  categorias profissional e tecnológica que possibilitem a capacitação para projetos como o Porto Sul, a Ferrovia Oeste Leste e as unidades industriais atraídas por esses empreendimentos.

Relatora do projeto que cria a Ufesba, a  deputada federal Alice Portugal (PCdoB) considera que a instituição  trará inúmeros benefícios para a região. “A implantação dessa universidade federal com campi em Itabuna, Teixeira de Freitas e Porto Seguro significará a oportunidade de acesso ao ensino superior para milhares de pessoas, famílias com renda insuficiente para manter seus filhos em universidades públicas federais distantes ou para assumir compromissos com mensalidades em universidades privadas”, afirma.

Décima Semana de Museus

Bahia discute desapropriações da Fiol

Com a finalidade de acompanhar o andamento das desapropriações para a construção da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol), o secretário da Casa Civil do governo da Bahia, Rui Costa, se reuniu com o presidente da Valec, Eduardo Castello Branco, na manhã desta quarta-feira (9), em Brasília (DF).

Segundo o presidente da Valec, após a visita do governador Jaques Wagner e dos ministros Miriam Belchior, do Planejamento, e Paulo Sérgio Passos, dos Transportes, ao canteiro de obras da Fiol, em Jequié, no mês passado, o ritmo das desapropriações foi acelerado. No entanto, um acordo firmado nesta quarta-feira prevê mais celeridade nos processos.

“Vamos oficializar esse entendimento por meio de assinatura de convênio, proposto pela Valec, estabelecendo uma cooperação técnica para desapropriar as áreas da ferrovia”, disse Rui Costa

Assinatura – O documento será assinado pelo secretário da Casa Civil, representando o governo, e o presidente da estatal no próximo dia 23 de maio, em Ilhéus. Para o ato, além de representantes do Estado e da Valec, serão convidados os prefeitos dos municípios que fazem parte do traçado da obra.

Encontro Nacional da Juventude Negra será realizado em Ilhéus

Ilhéus sediará, entre os dias 10 e 12 de maio, o VI Seminário Nacional da Juventude Negra – JN13. O evento tem por objetivo dar continuidade ao ciclo de fortalecimento e formação política da JN13, ampliando a influência para dentro do Partido dos Trabalhadores e uma maior participação da juventude na pauta do Movimento Negro. Promovido pelas três esferas do PT (nacional, estadual e municipal), o seminário visa ainda incidir de forma articulada e qualificada nas decisões políticas de combate ao racismo e na promoção de políticas de igualdade racial.

O encontro, que deve contar com a participação de cerca de 100 pessoas de várias partes do Brasil, será realizado no Seminário São Jorge dos Ilhéus, rodovia Ilhéus/Itabuna, vila Nazaré, Fundão, e contará com extensa programação. Avaliar os encaminhamentos das demandas e resoluções da JN13 nos últimos 4 anos; realizar a formação política sobre o PT, discutir temas como “a Juventude Negra e a Questão Racial; realizar planejamento e definir agenda para o próximo período; definir política de organização e organicidade da JN13, junto a pasta de Ações Afirmativas da JPT e Mobilizar jovens negras e negros de 16 a 29 anos, filiados ao PT, de todas as regiões do Brasil fazem parte da programação oficial do evento.

Na programação, estão previstos para o dia 10, das 10 às 13 horas, a recepção e acolhida das delegações, seguido de credenciamento e acomodação das mesmas. Às 14 horas acontece a mesa de abertura do Seminário, que contará com as presenças do secretário Nacional da Juventude do Partido dos Trabalhadores, Jefferson Lima; da secretária Estadual da Juventude do PT, Polyana Rebouças; da diretora Nacional de Ações Afirmativas da JPT; Dione Silva, do presidente do PT da Bahia; Jonas Paulo; da vereadora ilheense, Carmelita Ângela, de representantes da Fundação Perseu Abramo, da Fundação Friedrich Ebert e do Comitê de Entidades Negras, entre outras autoridades.

Read the rest of this entry »

AS IMPLICAÇÕES DE UMA NOVA PONTE ILHÉUS – PONTAL

Julio Cezar de Oliveira Gomes*

Há hoje um movimento organizado em Ilhéus que pede a construção de uma nova ponte ligando o bairro do Pontal ao Centro de Ilhéus. Pode-se notar isso na imprensa regional, na internet, e também em adesivos colocados na parte traseira de dezenas, talvez centenas de carros que circulam na cidade.

Fala-se sobre a construção da nova ponte ligando, mais exatamente, as proximidades do Morro de Pernambuco à Praia do Cristo. Isto resolveria o problema dos engarrafamentos entre a Zona Sul e o Centro da cidade, correto?

Não necessariamente. Primeiro porque o problema não é só de fluxo de tráfego sobre a ponte já existente, mas de distribuição deste fluxo no Centro de Ilhéus, que está no limite de sua capacidade de suportar o tráfego de veículos. Na verdade, quem não suporta mais tal volume de tráfego são as principais vias do Centro da cidade.

Estas vias do Centro teriam que merecer uma intervenção radical, o que talvez seja mais complicado do que a construção da nova ponte. Ao chegar à praia do Cristo o tráfego intenso teria que escoar via Dois de Julho e Soares Lopes para daí ser distribuído para o Malhado, ou direcionado para a avenida Itabuna.

Em todas estas hipóteses o que se verifica é a continuidade da sobrecarga de vias que hoje estão muito próximas de seu limite máximo de uso, ou que terão de merecer total remodelação, pois foram projetadas priorizando aspectos residenciais, comerciais ou paisagísticos, e não o escoamento de veículos em si mesmo.

Além destes aspectos, há de se considerar que a construção da nova ponte no local acima mencionado implica, na prática, na destruição de duas praias: a do morro de Pernambuco e a do Cristo, ambas de forte apelo histórico, cultural e paisagístico. A depreciação do Centro da cidade torna-se evidente.

Na verdade, a solução mais adequada talvez fosse a construção de uma via expressa ligando a Zona Sul à Rodovia Ilhéus Itabuna, e esta ao Iguape, fazendo um semi anel rodoviário que possibilitasse ao tráfego deslocar-se entre os bairros da cidade sem ter que passar pelo Centro, tal como ocorre hoje.

O semianel não é coisa só de capital, nem é sonho impossível. A vizinha cidade de Itabuna possui uma via expressa que faz com que o tráfego vindo de Ilhéus possa, ao entrar próximo a uma grande churrascaria, dirigir-se à BR-101 sem passar pelo Centro de Itabuna.

É compreensível a ânsia por solução de quem se estressa todos os dias em engarrafamentos ao longo da atual ponte Ilhéus Pontal. Nesse sentido a nova ponte poderá satisfazer uma necessidade imediata de muitos, e talvez seja mesmo imprescindível. Porém é preciso pensar não só no hoje, mas a médio e longo prazo.

Sem ilusões em relação aos limites e ao custo urbanístico de uma ponte ligando o Morro de Pernambuco ao Cristo, prefiro defender para Ilhéus a construção de um semianel rodoviário que retire do Centro o encargo de ser passagem obrigatória para todas as rotas.

Sei que hoje poderei estar quase solitário nesta defesa, mas tenho certeza de que todos os que hoje clamam pela construção de uma nova ponte estarão, no dia seguinte à sua inauguração, defendendo a ideia de um semianel rodoviário que proporcione novos vetores de crescimento para a cidade de Ilhéus.

*Graduado em História e em Direito pela Uesc – Universidade Estadual de Santa Cruz. e-mail juliogomesbr@ig.com.br

Taxa do cheque especial aumenta em agosto
 
A taxa média do cheque especial nos bancos em agosto foi de 13,52% ao mês (a.m.), alta de 0,06 ponto percentual em relação ao mês anterior, segundo pesquisa do Procon de São Paulo. A maior alta foi encontrada no Banco do Brasil
 
LEIA MAIS
 
Artista canavieirense se inspira nas belezas naturais de sua terra
Aos 35 anos, quatro dos quais dedicados à arte, Thiago tem despertado a atenção de turistas e nativos pela simplicidade de seus trabalho, com traços e entalhes precisos, retratando animais do bioma Mata Atlântica.
 
LEIA MAIS
Alto Beco do Fuxico festeja seus 30 anos
 
Saudosismo, amizade, cachaça da boa, cerveja bem gelada, mocofato preparado por Danilo, música de todos os gêneros e para atender todos os gostos. Esse foi o combustível que moveu membros da Confraria do Alto Beco do Fuxico, os acadêmicos da Academia de Letras, Artes, Música, Birita, Inutilidades, Quimeras, Utopia e Etc. (Alambique), além de outros frequentadores do Alto Beco do Fuxico.
 
LEIA MAIS