CIA DA NOTÍCIA

Posts Tagged ‘Loja Maçônica União e Caridade’

Loja Maçônica União e Caridade apoia filiação de Canavieiras ao Consórcio

Loja União e Caridade Canavieiras 21A Loja Maçônica União e Caridade, de Canavieiras, participou recentemente da Audiência Pública promovida pela Câmara Municipal de Canavieiras para debater a participação do Município no Consórcio Intermunicipal da Mata Atlântica (CIMA). No evento, defendeu a integração ao consórcio, junto com Camacan, Santa Luzia, Mascote, Una, Arataca, Pau Brasil, Jussari, Itaju da Colônia e São José da Vitória.

De acordo com o Venerável Mestre da Loja Maçônica União e Caridade, Lázaro Magnavita, o tema foi objeto de análise dos maçons canavieirenses, por entenderem que a formação de consórcios entre entes governamentais se apresenta atualmente como a única forma de promover o desenvolvimento regional. Para ele, nas condições atuais, somente organizados em consórcios, os municípios atrairão recursos para implantar os equipamentos públicos.

Em vista de considerar a importância do CIMA para Canavieiras e municípios vizinhos, a Loja Maçônica União e Caridade enviou correspondências ao presidente da Câmara de Canavieiras, Nilton Nascimento, o prefeito de Canavieiras, Clóvis Almeida, e o presidente do CIMI e prefeito de Santa Luzia, Antônio Guilherme. Nas cartas, foi evidenciada a importância da aprovação do projeto de lei pelos vereadores canavieirenses.

Para o Venerável, Canavieiras precisa cumprir a Lei 12.305/10, que estabelece a Política Nacional de Resíduos Sólidos, e a integração no Consórcio Intermunicipal amplia as possibilidades de construir um aterro sanitário para tratar os resíduos sólidos dos municípios. Dados da Organização Mundial de Saúde (OMC) apontam que, para cada R$ 10,00 investidos em saneamento, são economizados R$ 50,00 na área da saúde.

Entende Lázaro Magnavita, que o CIMA contribuirá significativamente para a maximização do desenvolvimento de programas integrados, como a elaboração de projetos conjuntos para a manutenção das ruas e estradas. “Existem, ainda, alternativas viáveis para a realização da prestação de serviços nas mais variadas áreas da administração pública”, ressalta o Venerável.

Nas correspondências, foi destacada que em tempos de recursos cada vez mais escassos, o modelo de organização através de consórcios tem alcançado ganhos consideráveis em outras regiões brasileiras. Atualmente, o Governo Federal e organismos financiadores internacionais somente oferecem recursos específicos para investimento e custeio, exclusivamente através de consórcios.

Loja Maçônica União e Caridade completa 126 anos de instalada

A Loja Maçônica União e Caridade, nº 05, em Canavieiras, uma das mais antigas da Bahia, comemora nesta quinta-feira (17), 126 anos de instalação (funcionamento pleno). Ela foi fundada em 27 de dezembro de 1890, e se tornou a primeira Loja Maçônica da República do Brasil e a terceira da Bahia. Sua Carta Constitutiva – Patente – foi assinada pelo Grão Mestre do Grande Oriente do Brasil, Marechal Manuel Deodoro da Fonseca, o proclamador da República.

Durante todos esses mais de 100 anos de fundada, a Loja União e Caridade funcionou regularmente e só paralisou suas atividades durante a Segunda Guerra Mundial. Inicialmente filiada ao Grande Oriente do Brasil, a Loja União e Caridade passou a integrar os quadros da Grande Loja Maçônica do Estado da Bahia (GLEB) em 24 de junho de 1954 e onde permanece até hoje.

A primeira Diretoria da Loja União e Caridade era integrada pelos maçons Armando Gentil (Venerável Mestre), Francesco Tedesco (1º Vigilante), Antônio Teixeira Lôbo (2º Vigilante), Bernadino d’Oliveira Pinto (Orador), Augusto Luiz de Carvalho (Secretário), Samuel Benjamim (Chanceler) e Domingos Marques dos Reis (Tesoureiro).

Loja União e Caridade Canavieiras 21Segundo o Venerável Mestre da Loja Maçônica União e Caridade, Lázaro Soares Magnavita, a instituição sempre esteve presente nas lutas em defesa da região e de Canavieiras e é considerada um órgão de vanguarda. “A história de Canavieiras e da União e Caridade se confundem, pois foram as mesmas pessoas que participaram da elevação da vila de Canavieiras à cidade e à fundação da Loja”, informa Lázaro.

Atualmente a diretoria da Loja União e Caridade é composta por Lázaro Soares Magnavita – Venerável Mestre; José Batista Gama Neves – 1º Vigilante; Fernando Guimarães Vieira – 2º Vigilante; Walmir Andrade do Rosário – Orador; José Hilton Melo Lopes – Secretário; Ariedson Santos – Tesoureiro; Romário Brito de Vasconcelos – Chanceler. O Delegado Distrital é Raimundo Antônio Tedesco.

Maçom centenário recebe placa de reconhecimento

Delegado Distrital Raimundo Tedesco, Venerável Mestre Lázaro Magnavita, Jonaval Freire e o Venerável de Honra Arenilson Mota Nery

Delegado Distrital Raimundo Tedesco, Venerável Mestre Lázaro Magnavita, Jonaval Freire e o Venerável de Honra Arenilson Mota Nery

A Grande Loja Maçônica do Estado da Bahia (Gleb) disntiguiu o Mestre Maçom Jonaval Freire (Vavá), com uma placa em homenagem ao seu aniversário de 100 anos. A honraria foi entregue nesta quarta-feira (26), durante a sessão econômica da Loja Maçônica União e Caridade, de Canavieiras, da qual Vavá é membro.

A placa foi entregue pelo Venerável de Honra Arenilson Mota Nery, que ressaltou os serviços prestados por Jonaval durante os 52 anos de filiado à Maçonaria. “Ele sempre foi um exemplo para os maçons, desempenhado cargos e atividades dos mais diversos, sempre com competência e responsabilidade”, ressaltou Arenilson Nery.

Bastante emocionado, Jonaval Freire agradeceu aos Irmãos e a Grande Loja Maçônica do Estado da Bahia (Gleb), dizendo ser um honra ter convivido por todos esses anos na Ordem. “É muita bondade de todos. Sempre fiz o que deveria fazer e me orgulho muito de pertencer à Loja União e Caridade, que hoje tem em seus quadros meu filho de sangue e irmão maçom Boaventura”, disse Vavá.

Para o Venerável Mestre Lázaro Magnavita, a placa é apenas uma homenagem simbólica, mas representa o reconhecimento dos 100 anos de vida e os 52 anos dedicados à Maçonaria. “É um orgulho para nós maçons ter um irmão desta idade ainda em atividade e repassando todos os conhecimentos e experiência de vida fraternal”, concluiu Lázaro.

União e Caridade empossa diretoria e comemora centenário de filiado

Loja União e Caridade empossa diretoria - Foto Divulgação -640x640A Loja Maçônica União e Caridade, de Canavieiras, realizou nesta sexta-feira (14) Sessão Magna para empossar os dirigentes para o biênio 2017/18, eleitos em 24 de maio passado. Lázaro Soares Magnavita assumiu o cargo de Venerável Mestre; José Batista Gama Neves, o de 1º Vigilante; e Fernando Guimarães Vieira, o de 2º Vigilante. Eles substituíram Arenilson Mota Nery, Lázaro Magnavita e Carlos Alberto Guimarães Ramos, respectivamente.

A posse ocorreu no Templo da Loja Maçônica União e Caridade, com a presença de representantes de Lojas Maçônicas de diversas cidades do Sul da Bahia. Também foram empossados Walmir Andrade do Rosário – Orador, José Hilton Melo Lopes – Secretário, Ariedson Santos – Tesoureiro, e Romário Brito de Vasconcelos – Chanceler. Na próxima quarta-feira (21) serão empossados os oficiais.

Após a solenidade de posse no templo da Loja Maçônica, em evento realizado no Clube Recreativo da Loja União e Caridade a atual diretoria foi apresentada aos convidados. Entre as personalidades Maçônicas presentes, o Delegado do Distrito 61, que engloba as Lojas Mahachoan, de Camacan e Romã do Progresso, de Buerarema, Ernande Macedo, o atual Venerável Mestre, Khalil Botelho, e comitiva, o 1º Vigilante da Loja Maçônica Vigilância e Resistência, de Ilhéus, Gustavo Boniares, dentre outras.

Em seguida, as comemorações em homenagem à posse da diretoria da Loja Maçônica União e Caridade e ao centenário de Jonaval Freire, realizadas no Clube Maçônico, contaram com um coquetel e a animação ficou por conta da Banda Armação. Segundo o Venerável Lázaro Magnavita, os eventos foram uma grande confraternização da família maçônica.

Maçom mais antigo comemora Centenário

Aniversário de 100 anos de Jonaval Freire - Foto Divulgação-640x640Logo após a apresentação da nova diretoria no Clube Social Maçônico, foi comemorado o aniversário de 100 anos do Mestre Maçom Jonaval Freire (Vavá), o maçom mais velho da Bahia em atividade, que atualmente ocupa o cargo de Chanceler. Jonaval foi iniciado na Maçonaria em 1965, completando, também 52 anos na Ordem.

Nascido em 14 de julho de 1917, em Monte Cruzeiro, hoje Santa Terezinha/BA., filho de Jhonatas da Silva Freire e Leonor da Conceição Freire, Em 1967, casou-se com Dalva Pereira Freire, de cuja união tem os filhos Boaventura (também Maçom), Rodrigo e Jonaval, e o neto João Henrique, o bisneto Artur.

Também irmão do maçom Rosalvo Freire, (in memorian), Nita e Célia, Vavá exerceu atividades em Canavieiras como agrimensor, avaliador do Banco do Brasil e fiel depositário do Poder Judiciário. Vavá lembrou de sua iniciação, quando era Venerável Mestre Hermes Sobral, e de todos os que passaram pela Ordem durante esses anos.

Ao realizar a homenagem ao seu pai (sanguíneo) e irmão (maçom), Boaventura Freire disse ser impossível impossível descrever a felicidade que ele, outros familiares e os presentes ao poder comemorar os seus 100 anos de vida. “É um orgulho, uma realização e poucos têm o privilégio de ter seu pai ao lado para poder compartilhar essa data tão importante”, ressaltou.

Vejo no senhor um exemplo de fortaleza e resignação. Como somos abençoados por tê-lo conosco por tanto tempo. Ah! Que presente de Deus esse! Continue acreditando, sonhando, nós estaremos sempre ao seu lado, aprendendo sobre a vida e seguindo seus exemplos.

Sabemos que caminhou por estradas tortuosas e muitas provações enfrentou, porém, sempre com muita coragem e com a cabeça em riste, venceu um a um os obstáculos e hoje pode bater no peito e dizer: missão cumprida! Você meu pai é só orgulho para todos nós.

Muitas vezes a vida nos impede de conviver de forma intensa com pessoas maravilhosas como o senhor, mas nem por isso seu colo foi menos acolhedor, seu abraço menos envolvente, sua alegria menos contagiante e seu amor menos fortalecedor”, finalizou

Histórico – Fundada em 27 de dezembro de 1890, a Loja Maçônica União e Caridade é a primeira Loja da República no Brasil e a terceira da Bahia e sua Carta Patente foi assinada pelo Grão Mestre do Grande Oriente do Brasil, Marechal Manuel Deodoro da Fonseca, considerado o “proclamador da República. Este ano completa 127 anos de funcionamento.

Durante todos esses anos a Loja funcionou regularmente e só paralisou suas atividades durante a Segunda Guerra Mundial. Inicialmente filiada ao Grande Oriente do Brasil, a Loja União e Caridade passou para os quadros da Grande Loja Maçônica do Estado da Bahia (GLEB) em 24 de junho de 1954 e onde permanece até hoje.

A primeira Diretoria da Loja União e Caridade era integrada pelos maçons Armando Gentil (Venerável Mestre), Francesco Tedesco (1º Vigilante), Antônio Teixeira Lôbo (2º Vigilante), Bernadino d’Oliveira Pinto (Orador), Augusto Luiz de Carvalho (Secretário), Samuel Benjamim (Chanceler) e Domingos Marques dos Reis (Tesoureiro).

Lojas Maçônicas de Canavieiras e Camacan instalam novos veneráveis

Instalação do Venerável Mestre em Canavieiras

Instalação do Venerável Mestre em Canavieiras

A loja Maçônica União e Caridade, de Canavieiras, promoveu nesta quarta-feira (5), sessão magna com a presença de maçons de várias cidades da região para realizar a Instalação do novo Venerável Mestre. Eleito recentemente, Lázaro Soares Magnavita – que ocupava o cargo de Primeiro Vigilante – irá presidir a União e Caridade durante o biênio 2017-18.

Na noite desta quinta-feira (6), foi a vez da Loja Maçônica Mahachoan, oriente de Camacan, de realizar a sessão magna para a Instalação do seu novo Venerável Mestre para o Biênio 2017-18. O escolhido foi o Mestre Maçom Khalil Augusto Botelho Nogueira, Presidente do Conselho Consultivo do Priorado da Ordem da Cavalaria.

Instalação do Venerável Mestre em Camacan

Instalação do Venerável Mestre em Camacan

As posses da nova diretoria da Loja União e Caridade, de Canavieiras, está agendada para a próxima sexta-feira (14). Além do Venerável Mestre Lázaro Magnavita, a nova diretoria é composta por José Batista Gama – 1º Vigilante, e Fernando Vieira – 2º Vigilante. Na mesma data também será comemorado o aniversário de 100 anos do Mestre Maçom Jonaval Freire, o maçom mais velho da Bahia em atividade, que atualmente ocupa o cargo de Chanceler.

Já na Loja Maçônica Mahachoan, de Camacan, a solenidade de posse (ritual e festiva) está marcada para a noite do próximo sábado (15). Além do Venerável Mestre Augusto Khalil Botelho Nogueira, também tomarão posse o 1º Vigilante Antônio Guedes, e o 2º Vigilante Fred Borges.

Instalação – Ao ser escolhido para presidir uma uma Loja Maçônica o Mestre Maçom que ainda não ocupou o cargo de Venerável Mestre participa do ritual de Instalação, por uma comissão. A Instalação é o assentamento do Mestre Eleito ou do Mestre Escolhido na cadeira de maior destaque: o Trono do Rei Salomão. O ato não se confunde com a posse, que gera efeitos civis, no qual também são empossados os 1º e 2º Vigilantes, além dos oficiais.

Canavieiras sediou Encontro Baiano da Ordem de Cavalaria

eboc-na-praia-canavieiras-foto-divulgacao1-400x400“Eboc na Praia”. Assim foi denominado o Encontro Baiano da Ordem de Cavalaria (EBOC), realizado em Canavieiras, no período de 28 a 30 de outubro próximo passado, que reuniu cerca de 300 DeMolays e maçons de toda a Bahia. O evento foi promovido pelo Priorado Nobres Cavaleiros da Terra Santa Nº 148 e teve como anfitriã a Loja Maçônica União e Caridade, nº 05, de Canavieiras.

As solenidades de abertura e encerramento foram realizadas no auditório da Secretaria Municipal da Educação, com a palestra “O Poder Transformador Social do Cavaleiro Ontem, Hoje e Amanhã”, dada pelo Presidente do Conselho Consultivo do Priorado, Khalil Augusto Botelho Nogueira. Em seguida, foram realizadas as cerimônias de investidura ao Grau Simbólico do Ébano e Reflexão sobre o Simbólico Grau do Ébano, na Loja Maçônica União e Caridade.

eboc-na-praia-canavieiras-foto-divulgacao-400x400No sábado (29), a programação teve sequência com a Assembleia Geral da Ordem da Cavalaria Baiana para a eleição da sede do Eboc 2018, que será realizado em Amargosa. Em 2017, a cidade de Barreiras sediará o Eboc. Durante todo o dia foram realizadas ações sobre as Sublimes Ordens e oficinas diversas, como “O Poder da Espiritualidade”, por Romário Vasconcelos; e “A Dimensão Musical Enquanto Elemento da Experiência Ritualística; “Kaballah e Cavalaria: Nossos Oficiais Através da Árvore da Vida”; “Ritual de Um Nobre Cavaleiro: Como Deve Ser”; finalizando com um bate-papo com a Comissão Nacional da Ordem da Cavalaria.

A denominação EBOC na Praia, foi dada pela localização litorânea de Canavieiras e dentre os objetivos do encontro estão a promoção de debates sobre a Ordem da Cavalaria, adquirir novos conhecimentos, procurar o desenvolvimento de nossos Priorados e a evolução da Ordem DeMolay. “Além disso, esses eventos são excelentes oportundiades de confraternização entre os irmãos”, ressalta Khalil Botelho.

O EBOC é realizado há alguns anos e a partir de 2012 ganhou ascensão com a implantação das Sublimes Ordens de Cavalaria, que também passou a ser ofertado na programação do Congresso Baiano da Ordem DeMolay (ConBODe). “Pelo número de inscrições, deveremos ultrapassar o número de participantes de todos os encontros anteriores. Acredito que em Canavieiras tenhamos mais de 300 cavaleiros, além de seus familiares”, analisa Khalil.

Dentre as autoridades presentes, Gabriel Almeida Andrade – Ilustre Comendador Cavaleiro do Priorado; Társis Valentim Pinchemel – Grande Mestre Estadual da Ordem DeMolay do Estado da Bahia; Ulysses Cabette Nooblath – Presidente da Comissão Nacional da Ordem de Cavalaria no Brasil e Grande Orador Estadual para a Ordem DeMolay no Estado do Pará; Jáder de Souza Oliveira – Coordenaria Estadual de Cavalaria para o Estado da Bahia e Membro da Comissão Nacional de Cavalaria; Antônio Alves Pimenta Neto – Oficial Executivo da 1ª Oficialaria do Estado da Bahia; Jamerson Vieira Torres – Grande Mestre Estadual Adjunto da Ordem DeMolay do Estado da Bahia; Gustavo Cavalcanti Lamego – Mestre Conselheiro Estadual da Bahia; Felipe dos Anjos Figueiredo Vieira da Silva – Mestre Conselheiro Estadual Adjunto da Bahia; Arenilson Mota Nery – Venerável Mestre da Augusta e Respeitável Loja Maçônica União e Caridade Nº 05; Raimundo Antônio Tedesco – Delegado Distrital da GLEB.

Canavieiras sediará um grande encontro da Ordem da Cavalaria

As belezas de Canavieiras atraíram os Cavaleiros

As belezas de Canavieiras atraíram os Cavaleiros

Canavieiras recebe, no período de 28 a 30 de outubro próximo, um dos grandes eventos paramaçônicos: O Encontro Baiano da Ordem da Cavalaria (EBOC), que reúne os Nobres Cavaleiros da Ordem Sagrada dos Soldados Companheiros de Jacques DeMolay. Realizado uma vez a cada ano, definitivamente no segundo semestre, este ano a anfitriã será a Loja Maçônica União e Caridade (nº 05), de Canavieiras.

Nesta quarta-feira (20), o Venerável Mestre da Loja Maçônica União e Caridade, Arenilson Mota Nery, enviou correspondência ao prefeito de Canavieiras, Almir Melo, para informar sobre a escolha da cidade e convidá-lo para o evento. Correspondência idêntica também está sendo feita aos poderes Judiciário e Legislativo, bem como às instituições da sociedade civil organizada.

Já chamado de EBOC na Praia, pela localização litorânea de Canavieiras, entre os objetivos do encontro estão a promoção de debates sobre a Ordem da Cavalaria, adquirir novos conhecimentos, procurar o desenvolvimento de nossos Priorados e a evolução da Ordem DeMolay. “Além disso, o evento é uma excelente forma de confraternização entre os irmãos”, ressalta Khalil Botelho.

O EBOC é realizado há alguns anos e a partir de 2012 ganhou ascensão com a implantação das Sublimes Ordens de Cavalaria, que também passou a ser ofertado na programação do Congresso Baiano da Ordem DeMolay (ConBODe). “Pelo número de inscrições, deveremos ultrapassar o número de participantes de todos os encontros anteriores. Acredito que em Canavieiras deveremos ter mais de 300 cavaleiros, além de seus familiares”, analisa Khalil.

A Ordem dos Nobres Cavaleiros fez sua estreia em 1946, quando foi exemplificada perante o Grande Conselho, hoje conhecido como Supremo Conselho Internacional. A Ordem de Cavalaria no Brasil foi introduzida em 1993, graças ao esforço do PMCE Max Rodrigues Pereira que iniciou o processo de contato com o então Soberano Grande Comendador, Moacyr Arbex Dinarmarco, apresentando o projeto para introduzir a Ordem de Cavalaria no Brasil.

Em 2016, a casa dos Nobres Cavaleiros baianos será em Canavieiras, litoral Sul do estado, a cerca de 500 quilômetros de Salvador, que sediará um dos maiores evento que a Ordem da Cavalaria já organizou. Desta forma, o Priorado dos Nobres Cavaleiros da Terra Santa Nº. 148 e toda 1ª Oficialaria Executiva para o Estado da Bahia, espera realizar em Canavieiras o maior encontro já promovido pela Ordem.

Escola Frei Sampaio encerra ano letivo

Encerramento do ano letivo da Escola Frei SampaioA Escola Frei Sampaio encerrou as atividades pedagógicas der 2015 com a a solenidade de Colação de Grau dos Formandos das séries iniciais do Ensino Fundamental (quinto ano). Participaram do evento, realizado na última sexta-feira (11), na Loja Maçônica União e Caridade, seis alunos das escolas Liana Belém e um da Cassimiro Luiz Gomes, num total de 40 formandos.

No discurso de abertura, a secretária da Educação, Emília Cristina Augusto dos Santos ressaltou a importância desse momento na vida de cada um dos alunos. “Quero dizer que mais do que o recebimento de um certificado, a formatura serve para mostrar que vocês são capazes de lutar por seus objetivos e conquistá-los. Esta conquista irá impulsionar outras buscas e abrir novos horizontes, sempre apontando para um futuro de sucesso”, disse.

Segundo a diretora, diversas atividades foram realizadas ao longo do ano, com o objetivo de arrecadar fundos para a festa. “Fizemos sorteios de kits de perfumarias e utensílios domésticos e com o dinheiro, compramos tecidos para confeccionar as becas usadas pelos alunos, que ficarão para o acervo da escola”, disse a diretora Ana Nery, ressaltando que esta foi a primeira festa de formatura da instituição.

Em seu discurso, o ministro da palavra Hélio Xavier falou aos presentes sobre gratidão. “Devemos ser altivos na derrota e humildes na vitória. Ao lado da humildade, há outra virtude que eleva o espírito e traz felicidade: é a gratidão. Mas atenção, a gratidão é presa fácil do tempo: tem memória curta e envelhece depressa. Portanto, lembrem-se sempre: Agradecer, de coração, enriquece quem oferece e quem recebe”, pregou.

O evento foi encerrado com uma apresentação de dança do Ballet Plié. Hoje, a Escola Frei Sampaio é mantida através de uma parceria entre a Loja Maçônica União e Caridade e a Prefeitura de Canavieiras, que mantém cursos do Nível Fundamental I.

Loja Maçônica União e Caridade leva programa de Saúde em escola

Alunos da Escola Frei Sampaio serão beneficiados

Alunos da Escola Frei Sampaio serão beneficiados

A Loja Maçônica União e Caridade, de Canavieiras, promove neste sábado (28), a partir das 7h30min, na Escola Frei Sampaio, o 2º Movimento Preventivo de Saúde Estudantil. O evento tem a finalidade de verificar nos alunos as condições de saúde, através de exames preventivos realizados por médicos oftalmologista, ortopedista e cirurgiões-dentistas.

Segundo o Venerável Mestre da Loja Maçônica União e Caridade, Arenilson Mota Nery, serão realizados exames de acuidade visual, ortopedia, clínica geral e saúde bucal. “Se algum aluno precisar de atendimento especial, será encaminhado para exames e os, procedimentos. Caso necessite de óculos ou tratamento dentário, receberá toda a assistência e equipamentos gratuitos.

Promovida pela segunda vez na Escola Frei Sampaio, a ação social é realizada por profissionais maçons nos 38 alunos da escola, que é mantida pela Loja Maçônica, em parceria com Rede Municipal de Educação. Todo o trabalho de recepção e atendimento dos alunos durante a ação social conta com os maçons e suas esposas.

Logo pela manhã – às 7h30min – os alunos, acompanhados dos seus pais, serão recebidos, cadastrados e encaminhados para a triagem, feita pelos maçons e suas esposas. Em seguida, serão encaminhados para o atendimento dos profissionais da saúde, inclusive com palestras de higiene bucal, escovação e aplicação de flúor.

PioneiraA Escola Frei Sampaio foi fundada em 7 de setembro de 1921 pela Loja Maçônica União e Caridade. De acordo com a história, foi o primeiro estabelecimento de ensino misto – crianças dos sexos masculino e feminino – de todo o Sul da Bahia e atualmente é a escola mais antiga em funcionamento em Canavieiras.

Hoje, a Escola Frei Sampaio é mantida através de uma parceria entre a Loja Maçônica União e Caridade e a Prefeitura de Canavieiras, que mantém cursos do Nível Fundamental I. “A Prefeitura, além da parceria pedagógica, também participa diretamente desses eventos”, informa Arenilson.

Fundada em 27 de dezembro de 1890, é a primeira Loja da República no Brasil e a terceira da Bahia. Sua Carta Patente foi assinada pelo Grão Mestre do Grande Oriente do Brasil, Marechal Manuel Deodoro da Fonseca, considerado o “proclamador da República”. Durante todos esses anos a Loja funcionou regularmente e só paralisou suas atividades durante a Segunda Guerra Mundial. Inicialmente filiada ao Grande Oriente do Brasil, a Loja União e Caridade passou para os quadros da Grande Loja Maçônica do Estado da Bahia (GLEB) em 24 de junho de 1954.

Direção da Loja Maçônica União e Caridade é reconduzida ao cargo

posse na Loja Maçônica União e Caridade - Canavieiras -Foi empossada, quarta-feira (22), a diretoria da Loja Maçônica União e Caridade, em Canavieiras. Toda a diretoria foi reconduzida ao cargo para mais um biênio (2015/17), após ser eleita por unanimidade. No mesmo dia também foi reconduzido ao cargo de Delegado do 8º Distrito Raimundo Antônio Tedesco.

A diretoria da Loja União e Caridade, de Canavieiras, é integrada pelo Venerável Mestre Arenilson Mota Nery, 1º e 2º Vigilantes Lázaro Magnavita e Carlos Alberto Guimarães, Orador – Euvaldo Cardozo Sena, Secretário – Fernando Vieira, Chanceler – Ariedson Santos, e Tesoureiro – José Batista Gama Neves.

Na mesma sessão também foram empossados todos os cargos da oficialidade da Loja. A Sessão Magna de Posse contou com a participação de membros da Loja Maçônica Marracoan, de Camacã.

Fundada em 27 de dezembro de 1890, a União e Caridade é a primeira Loja da República no Brasil e a terceira da Bahia e sua Carta Patente foi assinada pelo Grão Mestre do Grande Oriente do Brasil, Marechal Manuel Deodoro da Fonseca, considerado o “proclamador da República.

Loja Maçônica União e Caridade homenageia mães

Entrada solene das mães no Templo

Entrada solene das mães no Templo

A Loja Maçônica União e Caridade, de Canavieiras, realizou neste sábado (9), sessão Magna para homenagear as mães no dia internacional consagrado às mulheres. Durante a sessão Magna foi feita uma homenagem especial à mãe mais idosa foi Maria Carlota Pinto, viúva do maçom Antônio Couto Pinto.

Segundo o Venerável Mestre Arenilson Mota Nery, na simbologia maçônica a mãe é considerada muito especial, por ser um ser humano que doa tudo sem cobrar nada em troca. “A mãe é o esteio da família, por isso sempre pedimos ao Grande Arquiteto do Universo que a proteja sempre pelo dom de conceber e criar os filhos, dedicando-se integralmente a eles, bem como a toda a família”, ressaltou.

A viúva Maria Carlota foi uma das mães homenageada

A viúva Maria Carlota foi uma das mães homenageadas

Na homenagem prestada às mães, o Orador Euvaldo Cardoso Sena enfatizou a grandeza de ser mãe e que todas as palavras empregadas para defini-las são poucas para demonstrar a doação integral e o zelo com seus filhos. “Fazem isso sem medir esforços ou dificuldades, pagando com a própria vida, se necessário for”, lembrou.

Na sessão Magna as mães presentes foram agraciadas com uma rosa vermelha, entregue pelo filho ou esposo. Já a homenagem às mães falecidas foi prestada pelos filhos, quando, ao som da Ave Maria, num gesto simbólico, depositaram rosas brancas num vaso, num ato dos mais emocionantes vividos pelos presentes.

Em nome das mães, a esposa do maçom Ariedson Santos, Fernanda Feitosa, e sua filha fizeram um diálogo, com a finalidade de mostrar a importância da mãe frente a Deus e a humanidade. Após a sessão Magna, os maçons, suas famílias e convidados participaram de um coquetel, animado pela Banda Maria Bretheira.

Link com todas as fotos

 

 

União e Caridade promove festa de confraternização

A Loja Maçônica União e Caridade, de Canavieiras, promoveu neste sábado (13) em seu clube recreativo, uma festa de confraternização com seus membros e famílias. O evento também marcou o aniversário dos seus 124 anos de lançamento da pedra fundamental, que será comemorado em 27 de dezembro próximo.

Além de um jantar festivo, ainda foi realizada uma festa dançante, animado por Iara Silva e Banda. Durante toda a noite de sábado e a madrugada de domingo, os membros da Loja União e Caridade se confraternizaram. As festividades foram marcadas pela presença de uma comitiva da Loja Maçônica Mahachoan, de Camacã, e uma oficina do De Moley (Ordem da Cavalaria) homenageando as mães.

Durante a Confraternização, o Venerável Mestre Arenilson Mota Nery e sua diretoria agradeceram a participação dos convidados durante o ano de 2014 e conclamou a todos para que em 2015 a Loja União e Caridade supere as realizações deste ano. Em nome do Sereníssimo Grão-Mestre, Jair Tércio, o Delegado Distrital Raimundo Antônio Tedesco também exortou-os a continuar desempenhando o brilhante trabalho para construir um mundo melhor.

CONFIRA O ÁLBUM DE FOTOS

Taxa do cheque especial aumenta em agosto
 
A taxa média do cheque especial nos bancos em agosto foi de 13,52% ao mês (a.m.), alta de 0,06 ponto percentual em relação ao mês anterior, segundo pesquisa do Procon de São Paulo. A maior alta foi encontrada no Banco do Brasil
 
LEIA MAIS
 
Artista canavieirense se inspira nas belezas naturais de sua terra
Aos 35 anos, quatro dos quais dedicados à arte, Thiago tem despertado a atenção de turistas e nativos pela simplicidade de seus trabalho, com traços e entalhes precisos, retratando animais do bioma Mata Atlântica.
 
LEIA MAIS
Alto Beco do Fuxico festeja seus 30 anos
 
Saudosismo, amizade, cachaça da boa, cerveja bem gelada, mocofato preparado por Danilo, música de todos os gêneros e para atender todos os gostos. Esse foi o combustível que moveu membros da Confraria do Alto Beco do Fuxico, os acadêmicos da Academia de Letras, Artes, Música, Birita, Inutilidades, Quimeras, Utopia e Etc. (Alambique), além de outros frequentadores do Alto Beco do Fuxico.
 
LEIA MAIS